CONCLUSÃO

7 respostas em “CONCLUSÃO”

Sim, pois a base ensinada originalmente usava. Se você tiver acesso a material didático mais antigo encontrara o modelo com a piramide de base invertida. Mas faz alguns anos experimentamos montar sem ela e funcionou da mesma forma com pouca diferença perceptível. Talvez por que nosso grupo tenha outros recursos de defesa além do campo de força. Mas as estruturas geométricas podem variar dependendo do trabalho. Por exemplo temos um trabalho voltado a saúde física no Vida Plena as sextas feiras e montamos um cilindro ao invés de piramide de base quandrangular

Muito obrigada.
Interessante o curso , o qual nos da a ferramenta de proteção que é o Campo de Força.

Gratidão pelo curso disponibilizado. Excelente. Que Jesus continue a iluminar o seu trabalho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *